Os casos mais assustadores – Ed e Lorraine Warren: Demonologistas 

AVISO: TODA A MINHA PESQUISA FOI BASEADA NO LIVRO ED E LORRAINE WARREN: DEMONOLOGISTAS PUBLICADO PELA DARKSIDE BOOKS NO BRASIL. O POST É MAIS REDUZIDO, TODOS OS DETALHES SOBRE OS CASOS, VOCÊ ENCONTRA NO LIVRO.

Pra quem leu Ed e Lorraine Warren: Demonologistas, não pode deixar de descordar que esse livro dá muito, muito medo. Então para você que não leu o livro e quer sentir o gostinho de como é ler esse livro, eu separei os Casos mais assustadores contados em Ed e Lorraine Warren: Demonologistas.

Resultado de imagem para ed e lorraine warren

 

#1 O caso Beckford

No dia 3 de março de 1974, o sr. Pete Beckford, de 50 anos, fez uma anotação no calendário da cozinha: o pneu do carro de sua filha Vicky acabara de furar em uma corrida até a drogaria. Servindo-se de outra xícara de café naquela manhã de domingo, Pete Beckford nunca teria imaginado que aquele evento aparentemente comum era o início de um cerco completo lançado por violentos espíritos demoníacos, o qual começaria com atos de vandalismo e terminaria com a quase total destruição da sua pequena casa.

Só de ler esse trecho, já dá para ter uma ideia do que se passa. Esse foi, eu acho, um dos piores casos que os Warren enfrentaram. O sofrimento dessa família foi agoniante e tudo por causa de uma coisa boba que eu não vou falar, só lendo o livro para saber ! Só para ter uma ideia da magnitude do caso, ele demorou para ser contado em 2 capítulos.

#As vozes de Enfield 

O caso Enfield faz o caso Amityville parecer uma casa de brinquedos, diz Ed. E estou falando sério. Embora os fenômenos tenham começado repentinamente em agosto de 1977, o caso começou em 1976, quando duas garotas-uma de 15 e 12 anos-atraíram entidades inumanas através de um tabuleiro Ouija. O resultado foi que as meninas fizeram contato com um espírito demoníaco que fez o seu truque e conseguiu permissão para entrar na casa. Algumas semanas depois, o espírito infestou a casa,mas ele não veio sozinho, o demônio trouxe com ele mais seis espíritos demoníacos.

Esse caso foi um tanto quanto engraçado, por incrível que pareça, porque, segundo Ed, eles gravavam as vozes dos espíritos conversando e eles falavam mais do que as pessoas! Os espíritos conversavam coisas do tipo: “Vamos apagar as luzes”; “Vá descascar o papel de parede”;”Arremesse a mesa”e ainda com sotaque britânico.

Resultado de imagem para as vozes de enfield

#3 Annabelle 

Deidre, Lara e Cal moravam juntos. As duas mulheres eram enfermeiras e Cal era noivo de Lara. Deidre ganhou uma boneca de presente de aniversário de sua mãe. Ela colocava a boneca na cama, tipo um enfeite. Quando ela chegava em casa, Deidre encontrava a boneca diferente da posição que ela havia deixado, mas logo depois essas coisas estranhas foram se alastrando até chegar na parte que a boneca escrevia em pergaminhos antigos pedindo por ajuda. Deidre e Lara contrataram uma médium, e segundo ela, uma garota chamada Annabelle Higgins havia morrido no apartamento em que elas moravam. A médium contou que Annabelle queria permissão para entrar na boneca, as mulheres sendo enfermeiras e sensíveis, permitiram que a garota entrasse, então a atividade começou. Cal tinha pesadelos por causa da boneca, segundo ele, Annabelle lhe causava isso, logo depois ele foi atacado pela boneca, ela tentou enforca-lo. Passados dias, alguma coisa o atacou causando arranhados por todo o seu corpo. Ed e Lorraine foram designados para o caso pela igreja.

Esse caso foi bem interessante e incomum em relação aos outros casos. Rendeu um filme de sucesso e esse filme terá uma sequência-Annabelle 2-que será lançado em 2017.

Resultado de imagem para anabelle verdadeira

#4 O caso Foster 

O verdadeiro início do caso teria que ser identificado como o dia de Natal de 1977, quando a mãe colocou um livro de conjurações debaixo de uma árvore de Natal, acredite se quiser! Há um grande simbolismo aí. Assim, ela fez o convite básico para que o espírito demoníaco entrasse na casa dela. Seja como for, foi Meg quem deu a permissão. Se ela tivesse devolvido o livro ou jogado fora, nenhum dos incidentes insólitos teria acontecido. No entanto, pela própria livre vontade, Meg realizou os rituais formais de convite que coloram o processo em movimento.

Esse caso foi um dos que mais me deu medo, embora todo o “processo” de infestação, opressão e possessão não tenha sido totalmente completo. Lendo sobre esse caso, você consegue sentir o desespero da família  e o terror que elas passaram.

E então, gostou? Tem esses e muito mais casos horripilantes que você pode ler. Para adquirir o livro, clique aqui 

Eu postei uma resenha do livro aqui no site, para conferir, clique aqui

 

 

Anúncios

Um comentário sobre “Os casos mais assustadores – Ed e Lorraine Warren: Demonologistas 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s